8 Dicas para gestão e monitoramento de mídias sociais da sua empresa

Uma empresa é facilmente conectada e inclinada para as redes sociais. Atualmente, o fato raro tem sido pessoas que não divulgam seu trabalho na internet.

Para quem recentemente aderiu ao marketing digital, deve ter encontrado alguns obstáculos na sua caminhada. Afinal, estar em um mercado online não é simplesmente fazer postagens quando quiser ou não estar completamente envolvido.

É verdade que as pessoas estão sempre conectadas nas suas redes sociais – inclusive os seus consumidores –. Presumo que você já deve ter visto pessoas carregando seus smartphones para todos os cantos do mundo que vão.

Os empreendedores precisam ter em mente que as mídias sociais são grandes ferramentas e devem ser usadas como tais. Estabeleça a presença da sua marca e decida em qual mídia digital ela se encaixa mais. Esteja visível.

Mas como realizar uma boa gestão?

 Decidimos compartilhar algumas dicas para te ajudar no gerenciamento das mídias sociais da sua empresa. Então, vamos lá:

 Publicações

 Por trás de uma postagem que obteve alcance há uma estratégia. Seria fácil demais se pudéssemos postar qualquer coisa na internet e gerar milhares de visualizações, não é?

Você precisa estabelecer um cronograma de postagens. Pesquise seu público alvo e descubra em que horário do dia eles estão navegando com mais frequência. Dessa forma, acarretará em maiores curtidas e interação dos seus seguidores.

Quantidade

Quantidade de publicações é de extrema importância. Não é recomendado postar em excesso, mas ficar sem atualização também é um erro.

A seguir, vamos te mostrar alguns exemplos em relação as redes mais acessadas e respectivamente o número de posts necessários diariamente:

  1. Instagram: 1 post por dia
  2. Facebook: 2 posts por dia
  3. Twitter: no mínimo, 4 tweets por dia.

Entre essas três opções, o Twitter se destaca quando o assunto é contato direto com o cliente.

Nessa plataforma, você pode buscar pelo nome da sua empresa e descobrir qual a opinião das pessoas sobre ela.

Além de, ter a oportunidade de responder em tempo real algum questionamento. Facilita a conversação e você se difere dos seus concorrentes por conta do atendimento.

Social midia

Foto: AdLibbing.org

Valorize o seu conteúdo

 Lembre-se que as pessoas te seguem no intuito de ver a sua empresa. Não fuja do seu nicho, pelo contrário, priorize-o.

Mostre que seu conteúdo é importante e merece ser valorizado. Apresente tendências na sua área e inove constantemente para ter confiança dos seus seguidores.

Seja fiel a mensagem que a sua empresa quer passar, mas não tenha medo de realizar mudanças. Há qualquer momento você pode optar por mudar seu marketing, por exemplo.

Abordagem

 Cada empresa preza por um tipo de comunicação. Algumas são mais conservadoras, outras descontraídas e que usam humor.

Pergunte-se: qual é a minha proposta diante disso?

Ultimamente, o humor é uma estratégia muito usada pelas marcas. Acredita-se que seus consumidores se sentem mais confortáveis, dispostos a conversar, tirar dúvidas ou só acham legal e repassam isso para o ciclo de pessoas que convivem.

Alguns exemplos são o uso de GIFs, animações, gírias ou qualquer novidade que esteja percorrendo pelas redes sociais.

A relação que a empresa tem para com o cliente é uma das exigências mais esperadas e que podem te garantir uma indicação e assim, crescimento de vendas.

Quando você cria um relacionamento, gera confiabilidade. Fique conectado para suprir as necessidades dos seus seguidores e não demore para enviar mensagens.

Demonstre interesse pela sua clientela, mostre que eles possuem voz na sua empresa. Esse é um diferencial primordial.

Hashtags

Quando você usa uma hashtag, qualquer pessoa que procurar por ela tem a chance de ver seu post. É uma dica útil e importante para quem quer mais visualização na página.

Para usar é simples, você só precisa usar o símbolo # e digitar o que preferir.

Use uma escrita básica e funcional, para ter mais vantagens de acesso e procura.

Você pode optar por criar uma hashtag com o nome da sua marca ou com o segmento que você trabalha, por exemplo, moda masculina.

Invista no visual da página

Sua página precisa ter personalidade e autonomia. Não hesite em contratar um designer para te ajudar a fazer as postagens, ou até uma agência de marketing digital, se preferir.

Pense nos detalhes, como as cores que você usa nos seus posts. Elas combinam com a sua marca? Se não, mude-as e invista em cores mais atrativas e receptivas.

Não esqueça de ter uma boa ortografia e uma linguagem condizente. Caso contrário, seu cliente ficará inseguro em contratar seus serviços.

Midia social para empresas

Foto: Digitalks

Interaja

  1. Crie estratégias para interagir com o seu público. Existem diversas maneiras, e uma delas, é fazer posts com perguntas para os seus seguidores se expressarem.
  2. Aproveite a chance que você tem de descobrir a opinião deles em questão de minutos.
  3. Pergunte sobre a empresa, se o atendimento é viável, se estão aptos a encarar uma mudança junto com você, se estão satisfeitos em alguma área especifica ou se você pode mudar/ajudar a melhorar.
  4. Outro fator, seria o crescimento que o engajamento proporciona. Quando o cliente está feliz com o negócio feito, ele vai fazer questão de divulgar sua marca e indicar para outros futuros compradores de seus serviços.
  5. E é claro que, a interação é uma ótima aliada de criação de conteúdo. A partir disso, você conhece seus clientes e sabe a maneira que pensam. Isso pode ajudar e muito a sua marca.

Feedbacks

Por último, mas não menos importante!

O feedback te possibilita descobrir milhares de coisas. Através dele, você descobre se seu cliente está satisfeito com o produto, se deve mudar alguma coisa ou se continua investindo na sua nova ideia.

Esteja preparado para um feedback negativo. Será difícil agradar a todos os seus consumidores, por mais que você tente incansavelmente.

Saiba que o crescimento e a funcionalidade da empresa são regidos pelos seus clientes. Não deixe uma opinião passar em vão, valorize-a.

Faça uma lista dos feedbacks positivos e negativos todo o mês. Veja o que pode mudar, quanto tempo levará, organize melhor seu plano de gestão.

 

 


Artigos recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *